17 de jun de 2012

Domingo

É realmente triste um 'dominFU' não ? você ai sem fazer nada mas não porque você não quer é porque simplesmente não consegue mesmo... Já parou pra pensar nisso ? como somos tão inutéis nesse dia tão tedioso ?
Mas contradições a parte, hoje estréio literalmente aqui, eu mesmo publicando alguma coisa (me senti quase um adulto) desculpe não pude evitar tal trocadilho...
E apesar d'eu ter falado tão mal dos 'dominFUS' o meu foi bastante bacana, sim morram de inveja !
E enrolei vocês nesses parágrafos acima só pra dizer que vim postar um poema pra vocês lerem :)

Boa Leitura


COMO UMA FLOR

Como uma flor que nasce e vai desabrochando
Meu amor por você se desenvolveu
Como uma febre meu calor foi aumentando
E meu corpo com o seu se envolveu

Por mais que eu tentasse resistir
Meus olhos pelo salão estavam a te seguir
Eu já não tinha mais como fugir
O brilho do seu corpo acabara de me iludir

Seu sorriso me hipnotizava
Paixão do meu peito jorrava, como em um chafariz
E enquanto você dançava
Meu coração batia feliz

Seu vestido brilhante como as estrelas do céu
Suas curvas perfeitas como as de um violão
Me deixavam sem pensamentos certos
Amor a mil graus como a lava de um vulcão

Como não te olhar
Se o que eu queria era te abraçar
Como não te olhar
Se o que eu queria era te amar

Quando você me olhou sem pensar
Que eu pudesse estar te olhando
Meu coração disparou
Eu sabia que estava de amando

Como não te olhar
Se o que eu queria era beijar você
Como não te olhar
Se o que eu queria era ter você

K.R.A    18:47   17/06/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário